Ver programação
WhatsApp

12 9 9147.9469

São Jose dos Campos- SP
Morre quarta vítima de explosão na cervejaria Heineken de Jacareí, SP. - Alternativa Fm

Especiais

01/02/2016 às 08h32 - Atualizada em 01/02/2016 às 08h32

Morre quarta vítima de explosão na cervejaria Heineken de Jacareí, SP.

administrador
São Paulo - SP

Foto: arquivo pessoal

A quarta vítima da explosão na fábrica da Heineken em Jacareí morreu na noite deste sábado (30). O acidente aconteceu na manhã da última quinta-feira (28) durante manutenção em uma das caldeiras da cervejaria. A informação foi confirmada pelo Sindicato dos Metalúrgicos.

Aparecido Agostinho, 52 anos, teve 90% do corpo queimado e estava internado no hospital Albert Einstein, em São Paulo. Ele era irmão de Altamiro Agostinho, que também morreu no acidente. O hospital confirmou o óbito, mas não deu outros detalhes sobre a vítima.

Cinco pessoas foram atingidas pela explosão. Luiz Machado Neto, 37 anos, e Altamiro, 49, morreram no momento do acidente. Rodrigo Silva Azevedo, de 30 anos, não resistiu aos ferimentos e faleceu na última sexta-feira no Hospital Municipal de São José. Uma quinta pessoa foi liberada no dia após receber atendimento médico.

Acidente

A explosão foi na manhã da última quinta-feira durante a manutenção de uma caldeira na fábrica, que fica em Jacareí. As atividades operacionais da fabricante de bebidas permanecem suspensas por tempo indeterminado.

Segundo o Sindicato dos Trabalhadores da Alimentação, em uma reunião nesta sexta com a empresa ficou definido que os funcionários só vão retornar quando houver plenas condições de segurança na unidade.
Isso deve acontecer após laudos das perícias do Ministério do Trabalho, da perícia científica, que será concluída em até 30 dias, e o laudo da empresa, que deve ser realizado por uma perícia naval, contratada pela Heineken.

Empresa

Na sexta, a Heineken informou em nota que apoia as famílias das vítimas e feridos do acidente e que vem acompanhando de perto o quadro dos internados, além de manter contato constante com as empresas prestadoras de serviço. A empresa informou que não vai se pronunciar sobre o falecimento da quarta vítima, em respeito aos familiares do trabalhador. Por G1 Vale do Paraíba e Região

ESTA MATÉRIA FOI VISTA 142 VEZES

Comentários

Veja também

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados